Home Seções Piscinas A importância da casa de máquinas
Piscinas - Produtos & Acessórios - 12 de dezembro de 2023

A importância da casa de máquinas

A maioria das piscinas deve ter uma casa de máquinas para abrigar os equipamentos como filtros, motobombas, quadro de
energia, controladores de aquecimento, controladores de iluminação e até mesmo os recentes equipamentos de automação.
Essa casa de máquinas faz parte do projeto da piscina, e infelizmente, há muitos anos ela vem sendo projetada e construída com algumas deficiências que podem trazer dificuldades de manuseio, perigos de choque elétrico e danos aos equipamentos.

Para entendermos como deve ser projetada e construída uma casa de máquinas, o uso do bom senso e das normas técnicas é fundamental. Isso porque muitos profissionais, simplesmente vendem equipamentos e não se atentam sobre as dimensões dos equipamentos e muito menos como facilitar o manuseio com segurança e a manutenção no dia a dia.

Na casa de máquinas vamos ter um grande desafio, que é ter no mesmo ambiente tubulações hidráulicas e equipamentos que serão energizados. Desta forma, já de cara temos um alerta que é o risco de choque elétrico, ainda mais se houver algum tipo de vazamento de água. Muitos já ouvimos casos em que houve a inundação da casa de máquinas devido ao vazamento de uma motobomba, filtro rachado, uma conexão da tubulação que rompeu, um registro que esqueceram fechado ou até mesmo o excesso de água da chuva que entrou na casa de máquinas. Quando ocorre eventos como esses de inundação da casa de máquinas a água entra em contato com o motor elétrico da motobomba, quadro elétrico e
controladores eletrônicos e o resultado disso é: risco de choque elétrico e muitas das vezes danos e queimas dos equipamentos.

Também muitos usam a casa de máquinas como depósitos de produtos químicos que são utilizados no tratamento da piscina, isso aumenta ainda mais os riscos de acidentes e os danos aos equipamentos.
Para termos uma casa de máquinas bem projetada não devemos esquecer que ela deve ter um bom espaço pois vamos ter que manusear os equipamentos com muita frequência e que também em alguma ocasião teremos que realizar a manutenção. Desta forma, o tamanho da casa de máquinas é o primeiro ponto de atenção, ela deve ter espaço suficiente para poder abrigar todos os equipamentos de forma segura e de fácil operação.

O acesso a casa de máquinas é muito importante, aqui no Brasil é muito comum as casas de máquinas serem abaixo do nível da piscina, ou seja, enterradas, e com uma tampa de acesso Ipo alçapão. Muitas vezes a casa de máquinas é construída em alvenaria e depois de construída realizam toda a montagem das tubulações, a instalação dos equipamentos e por fim é feita a colocação da tampa, só que muitas vezes essa tampa é de tamanho reduzido o que pode dificultar ou até mesmo impedir a retirada do filtro da casa de máquinas caso seja necessário a sua troca.

Outro ponto crítico é a ventilação da casa de máquinas, como dito anteriormente ela abrigará motobombas do filtro, do sistema de aquecimento, da hidromassagem, da cascata e os demais equipamentos elétrico eletrônicos que dissipam muito calor quando estão em funcionamento e esse calor não consegue ser liberado se não houver uma ventilação adequada.
A falta de um sistema de dreno na casa de máquinas é outro ponto de atenção, já que se houver um vazamento na motobomba, filtro ou tubulação essa água não terá como escoar e irá inundar a casa de máquinas.

Ao falarmos da parte elétrica da casa de máquina não devemos esquecer que ela deve ter um dispositivo DR instalado em seu quadro elétrico, o DR é um tipo de disjuntor diferencial residual, ele é responsável pela proteção contra choques elétricos por contato direto ou indireto. O uso do dispositivo DR faz parte da norma da ABNT NRB 5410, que é referente a instalações elétricas de baixa tensão.
Há pouco tempo, alguns fabricantes tem inovado no design das tampas para as casas de máquinas. Essas novas tampas, trazem canaletas para a captação da água e promovem uma boa ventilação. Estão disponíveis em alguns tamanhos e modelos rebaixados que podem receber revestimentos como pisos para melhorar a integração a área da piscina.

Temos que ter a preocupação que a casa de máquinas está abrigando um tesouro, que são os equipamentos, que custaram um bom dinheiro para o proprietário da piscina. Ela também pode ser um grande diferencial competitivo entre os projetistas e lojistas para poder ganhar uma venda.
Para finalizar, também temos casas de máquinas em fibra que muitas vezes já vão montadas e acompanham a piscina
de fibra, mesmo essas devem atender as recomendações de espaço, ventilação, segurança elétrica e dreno para escoamento da água. Também temos casa de máquinas que são construídas acima do nível da piscina, neste tipo os projetistas são bem mais criteriosos quanto as recomendações anteriores, vale só lembrar que as motobombas acima do nível da piscina devem ser autoescorvantes, ou seja, ter sucção suficiente para puxar a água para cima do nível da piscina.

Me despeço de vocês com a certeza que esse e os demais artigos da nossa revista estão contribuindo de alguma forma para melhorar o mercado brasileiro de piscinas.
Somos gratos pela atenção e queremos cada vez mais trazer informação aos nossos leitores. Por favor, enviem sugestões de assuntos que gostariam de ver em nossa revista, elas são muito importantes para nosso trabalho continuo de melhoria.

Grande abraço,

Rogério Alves

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Check Also

Tratador de Piscina Moisés Cuiabá MT

1- O que levou a entrar na profissão de tratador de piscina? Conte um pouco de sua históri…